Câncer da Pleura

A pleura á a membrana que envolve os pulmões, o mediastino e a parede interna do tórax. Existem vários tipos de câncer da pleura (benignos ou malignos) que podem se desenvolver. O mais comum é o mesotelioma, que, quando localizado, é geralmente benigno, e quando difuso, é sempre maligno. Além desse, o câncer da pleura pode apresentar metástases que são tumores oriundos de outras regiões do corpo e que nela se implantam. Pode ainda ocorrer invasão direta da pleura por tumores do pulmão, da parede torácica, mamas, mediastino, esôfago ou de qualquer outro órgão do tórax.

Diagnóstico do câncer da pleura

O diagnóstico de um câncer da pleura pode ser suspeitado pela visualização de alterações (tumor, nódulo, espessamento da pleura, derrame pleura, etc) em uma radiografia ou tomografia do tórax. Mas o diagnóstico definitivo só será dado após ter sido feita uma biópsia da região. Pode haver, além do câncer da pleura, a presença de um derrame pleural.

O Dr. Malucelli possui longa experiência no tratamento do câncer da pleura no Brasil e já realizou centenas de cirurgias em adultos e crianças.

Sintomas

Geralmente a pessoa apresenta dor torácica, desconforto respiratório, fôlego curto (dispneia), falta de ar ou sensação de peso no tórax.

Tratamento

Deve-se solicitar uma avaliação do Cirurgião do Tórax, que fará o diagnóstico definitivo através de exames invasivos como a toracocentese, a biópsia da pleura ou a videotoracoscopia. Uma grande parcela das pessoas necessitará de um tratamento cirúrgico, associado ou não com quimioterapia.